A vida por vários ângulos

4.3.13


O que acontece com um homem para ele largar a família, o conforto do lar, para ir morar na rua, sem cama para dormir, sem comida para comer, sem roupa para se proteger do frio?

Passar por problemas familiares, ter problemas com álcool ou drogas, faz a pessoa achar que é fugindo dos problemas que eles vão desaparecer. E não tendo outro lugar para ficar, o único refúgio é a rua. Aquela rua perigosa, distante e talvez, com pessoas passando pelos mesmos problemas, faz parecer que os problemas acabaram, que tem alguém, em algum lugar desse mundo, que te entenda e te apoie.

O mundo é um lugar injusto. A vida dá oportunidades, mas algumas dessas oportunidades só quem tem poder, dinheiro, é quem pode aproveitá-las. Às vezes ter força de vontade em fazer as coisas não é o suficiente. É preciso ter alguém que estenda a mão, que ajude a pessoa caída a se levantar e seguir em frente.

Pessoas humildes, companheiras e amigáveis são poucas nos dias de hoje. Quantas vezes passamos e vemos uma criança pedindo por comida; um mendigo pedindo por um teto? Quantas vezes paramos para ajudar essas pessoas?

Muitos tem nojo e medo dessas pessoas que vivem nas ruas. Acham que vivem nesse estado porque querem. E talvez realmente seja verdade. Mas como ter certeza disso sem antes conhecer sua história e o que fez ele achar que nas ruas viveria melhor?

É preciso saber, ou pelo menos tentar compreender as pessoas, não julgar ninguém, pois o único que sabe o dia de amanhã é Deus.

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se à vontade para comentar!
Críticas, sugestões e elogios são bem-vindos, pois ajudam a tornar o blog melhor para todos! ♥
Maiores informações entre em contato pelo e-mail contatoblogdup@gmail.com.
Muuuuitos beijos pra você e obrigada pela visita! ♥

Adaptado por Tanise Silveira. Blog DUP.. Tecnologia do Blogger.